Monthly Archives: January 2014

Ego Sistema

Procura-se por alguém que alimente meu ego

A cada dia, pelo que parece, vivemos num Ego Sistema. Sim, isto mesmo, Ego Sistema. Este já encontra-se tão grande que estamos aprendendo, ou melhor, estamos esquecendo os verdadeiros valores. A oferta hoje são números e existem muitos interessados nisto.
Veja bem, não há provas científicas, nem dados estatísticos feito, há exclusivamente visões do cotidiano que vivo ou entendo. É apenas um FEELING de quem vos escreve. Não acho que sou tão reparador, longe disso, porém juntando as coisas que muitas pessoas me dizem – entenda como um desabafo – percebo que elas não conseguem suprir a necessidade do outro. Tudo se baseia em duas disciplinas principais, a matemática e o português. Números e interpretações.
Se eu fosse nomear o nome de todas as pessoas que vive dizendo estar carente, se sentindo só, acho que demoraria algum tempo. Não que isso seja um problema. É normal, eu sei, mas os motivos são muito semelhantes. Mesmos enredos com personagens diferentes. Será que esquecemos de como conviver em comunidade e de que diferenças vão muitos mais do que a cor da pele ou a do tipo de cabelo ? Invertemos valores simples. Estamos a preferir o preço do que realmente sua necessidade e função. Talvez, uma grande paranóia minha, contudo, faz algum tempo onde noto que estamos nos relacionando cada vez mais e mais com pessoas que inflam nosso infinito ego. Estamos deixando de lado aquele que , por vezes, tentam abrir nossos olhos, por achar que não nos apóia e preferindo cada vez mais quem nos apóia em TUDO, mesmo sabendo que parte desse tudo, não valha a pena, mas que de alguma forma, faça nos sentir como “eu fiz MAIS uma vez”, “eu ganhei MAIS uma vez”. As coisas parecem se resumir ao mais. Mais demais faz mal. Apoio demais é de se duvidar. Ganhar demais, nos faz perder o que não deveria. Querer ser mais nos faz menos desnecessariamente. É muita soma e multiplicação e pouca interpretação. Tenho, mas não entendo. Entendo, mas não tenho.